Dinâmica Santíssima Trindade

Hoje é celebrado a Solenidade da Santíssima Trindade e sabemos que falar sobre a Santíssima Trindade tem que ter um preparo, pois ao falarmos de Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo ser um único Deus em três pessoas, pode levar a uma reflexão que não teremos resposta pois é um Mistério.

Em formações já vi em mais de uma vez uma dinâmica onde ao apresentar cada pessoa da Santíssima Trindade se acende uma vela, e que elas não estão separadas mas unidas e então se aproxima as três velas e se encostam as chamas, onde as três chamas que são as três pessoas se fundem formando uma única chama.

Esta dinâmica já vi mais de uma vez, e hoje como um presente conheci mais uma dinâmica, apenas através de uma partilha daquilo que se é celebrado hoje. E gostei muito da forma como foi apresentado, por isso quero colocá-la como dica para quem tem que falar sobre o assunto, especialmente por quem trabalha com crianças, como catequese ou Ministério para as Crianças da RCC, e sei que é algo que foi ensinado por uma padre muito querido de nossa paróquia, que veio da Espanha e esteve por vinte e cinco anos à frente de nossa paróquia até a sua morte… nosso saudoso Pe. Elias Rodrigues Cordeiro.

Pois bem, a dinâmica sobre a Santíssima Trindade só precisa de um guardanapo ou pano de prato, e você diz assim:

Tome a palavra, pegue um guardanapo ou pano de prato na mão e fale assim:

-A Santíssima Trindade é como um guardanapo, só que deste jeito, com este nó! (escolhe uma ponta e dá um nó)

-Tenho uma pergunta, este nó deixou de ser guardanapo?

Respostas: provavelmente vão dizer que não.

– Agora vou fazer mais um nó do outro lado (do outro lado faça um segundo nó), com este novo nó, eu posso dizer que continuo tendo um guardanapo na mão?

Respostas: provavelmente vão dizer que sim, que continua com um guardanapo.

– Então vou fazer mais um último nó! (para o terceiro nó conforme o tamanho do guardanapo pode se juntar as duas pontas que sobraram ou fazer um nó com o guardanapo inteiro para que o terceiro nó fique no meio, como na imagem abaixo).

20170611_205914

Tome a palavra novamente e continue:

– Posso dizer que continuo com um guardanapo na minha mão?

Respostas: Provavelmente sim!

– Só que este guardanapo tem três nós, e nenhum deles é igual, reparem!

– Cada um destes nós representa uma pessoa da Santíssima Trindade. A Santíssima Trindade é como este guardanapo, que mesmo com três nós continua sendo um único guardanapo!

E deixa as pessoas, ou as crianças a pegar o guardanapo e lembrar do que foi ensinado sobre a Santíssima Trindade.

 

Bom é isso, espero que tenham gostado da dinâmica da Santíssima Trindade, fica a dica!

Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *